Menu

Batalha espiritual: Ganhos da doença

Eu costumava ser uma crente veterana na  Igreja das Três Autonomias, e meu maior desejo era receber o retorno do Senhor nesta vida. Por esta razão, orei com avidez e ansiava dia e noite. Um dia, o Senhor teve misericórdia e se importou comigo. Então li as palavras faladas pessoalmente por Deus quando retornar durante os últimos dias. Sua voz é tão íntima e familiar, que é o mesmo tom das declarações do Senhor Jesus. Das novas palavras de Deus, aprendi o mistério do plano de gestão de seis mil anos de Deus, os mistérios dos três estágios da obra, o mistério da encarnação, as diferenças entre a obra de Deus e o homem, que tipo de pessoas pode entrar no reino dos céus e assim por diante. As palavras de Deus também revelaram muitos mistérios na Bíblia, as quais me permitiram entender algumas das profecias registradas no Apocalipse. Fiquei convencida em meu coração de que a palavra do Deus Todo-Poderoso é a voz de Deus e que o Deus Todo-Poderoso é de fato o Senhor Jesus que retornou. Justo quando eu estava imersa na felicidade de ter recebido o retorno do Senhor, algo completamente inesperado aconteceu.

Um dia, voltei para casa depois de uma reunião. Ao entrar pela porta, vi meu filho sentado no sofá, enrolando-se em uma colcha, com os braços ao redor das pernas, observando-me indiferente. Descobri que ele tinha dois nódulos em seu pescoço. Fiquei chocada com a cena diante dos meus olhos e pensei: "Antes de sair, ele estava bem, mas agora o que há de errado com ele?" Com medo, corri até ele rapidamente e depois de olhar com cuidado, vi que seus nódulos linfáticos estavam inchados. Instantaneamente, minha mente ficou em branco e não soube o que fazer. Vendo-o daquela forma tão miserável, meu coração doía como se houvesse uma faca em meu peito e eu também tinha um tipo de sofrimento interno indescritível. Gostaria de poder sofrer a dor no lugar do meu filho. Eu estava muito fraca em meu coração e senti-me confusa: apenas alguns dias depois que aceitei a obra de Deus nos últimos dias. Por que meu filho tem uma doença tão estranha? De acordo com a lógica, minha vida familiar deveria ser pacífica depois que eu acreditasse no verdadeiro Deus; no entanto, por que minha vida familiar não tem paz, mas encontra-se com desgraça? O que está acontecendo? Eu continuei tendo pontos de interrogação em minha mente.

Quando fiquei intrigada e não tinha saída, de repente pensei em uma passagem das palavras de Deus que uma irmã leu na reunião dois dias antes, “Em cada passo da obra que Deus faz no interior das pessoas, externamente ela parece consistir em interações entre pessoas, como se nascida de arranjos humanos ou de interferência humana. Mas nos bastidores, cada passo da obra e tudo o que acontece é uma aposta feita por Satanás diante de Deus e requer que as pessoas permaneçam firmes em seu testemunho a Deus. Veja quando Jó foi provado, por exemplo: nos bastidores, Satanás estava fazendo uma aposta com Deus, e o que aconteceu a Jó foram os feitos dos homens e a interferência dos homens. Por trás de cada passo da obra que Deus faz em vocês está a aposta de Satanás com Deus — por trás disso tudo há uma batalha. […] Quando Deus e Satanás lutam no reino espiritual, como você deve satisfazer a Deus e como você deve permanecer firme em seu testemunho a Ele? Você deve saber que tudo que acontece com você é uma grande provação e é o momento em que Deus precisa que você dê testemunho” (‘Apenas amando a Deus é que verdadeiramente se crê em Deus’).

Então, a irmã comungou: “Por trás de todas as coisas que ocorrem todos os dias, Satanás faz uma aposta com Deus. É uma batalha no reino espiritual. Desde que a humanidade foi corrompida por Satanás, Deus tem realizado a obra de salvar a humanidade, enquanto Satanás sempre perturbou e destruiu a obra de Deus. Quando Deus quer nos salvar, Satanás persegue Seus passos e tenta descobrir todos os tipos de maneiras de atrair, tentar e destruir o relacionamento entre Deus e nós, a fim de não entendermos e culparmos a Deus, desviarmos e trairmos a Deus. Assim como Jó perdeu todos os seus bens e filhos em um dia e ele mesmo teve feridas dolorosas por todo corpo, por trás dessas coisas, houve uma batalha entre Deus e Satanás. Durante o tormento de suas provações, Jó não negou a Deus nem fez queixa alguma, mas ao invés disso, ele foi testemunha de Deus, confiando em sua fé Nele. No final, Deus lhe devolveu o dobro.

Pensando nestas coisas, entendi que meu filho estar doente também era uma batalha no reino espiritual. Satanás queria usar a doença do meu filho para me fazer reclamar e negar a Deus, e queria destruir a relação entre Deus e eu. Isso é realmente desprezível. Sabendo que Deus permitiu que a situação acontecesse comigo, afim de examinar a minha fé Nele, eu deveria ser como Jó, não perdendo a minha fé Nele e ser testemunha para satisfazer-Lo. Depois de reconhecer o esquema de Satanás e sua armadilha maligna, e entender a vontade de Deus, orei a Ele imediatamente, “Oh Deus, hoje o meu filho adoeceu. Sei que Satanás está desafiando o senhor por trás disso. Satanás quer usar isto para me perturbar e me seduzir a negar e reclamar de Ti. Quer que eu duvide do Teu trabalho e perca a fé em Ti. Ó Deus, me dê confiança e força para não Te negar ou Te trair por causa da doença do meu filho. Não importa como o meu filho esteja, estou disposta a ser Tua testemunha.”

Depois da oração, lembrei-me das palavras de Deus que a irmã leu na reunião, “A chegada de Deus encarnado dos últimos dias encerrou a Era da Graça. Ele veio principalmente para proferir Suas palavras, para usar palavras para aperfeiçoar, iluminar e esclarecer o homem e remover o lugar do Deus vago dentro do coração do homem.” “Ele não veio curar os doentes, nem expulsar demônios, nem realizar milagres e também não veio difundir o evangelho do arrependimento ou conceder redenção ao homem. Isso porque Jesus já realizou essa obra, e Deus não repete a mesma obra. Hoje, Deus veio para encerrar a Era da Graça e banir todas as práticas da Era da Graça. O Deus prático veio principalmente para mostrar que Ele é real. Quando Jesus veio, Ele proferiu poucas palavras; Ele principalmente exibiu milagres, realizou sinais e maravilhas, curou os doentes e expulsou demônios ou então falou de profecias para convencer as pessoas e fazer com que elas vissem que Ele realmente era Deus e era um Deus desapaixonado. Em última análise, Ele completou a obra da crucificação. O Deus de hoje não mostra sinais e maravilhas, nem cura os doentes, nem expulsa demônios. Quando Jesus veio, a obra que Ele realizou representou uma parte de Deus, mas desta vez Deus veio para realizar o estágio da obra que é devida, pois Deus não repete a mesma obra; Ele é o Deus que é sempre novo e nunca velho, assim tudo o que você vê hoje são as palavras e a obra do Deus prático” (‘Conhecer a obra de Deus hoje’).

Lembrei que a irmã disse: “Deus é sempre novo e nunca velho, e nunca faz a mesma obra. Nos últimos dias, Deus vem para conduzir a obra de início de uma nova era e fim de uma era antiga. Ele não faz mais a obra de curar os enfermos e expulsar demônios, ou realizar sinais e maravilhas como na Era da Graça. No passado, nossa crença em Deus era apenas por pedir graça e bênçãos, e por pedir a Ele que nos guardasse para que tudo desse certo. Estamos todos acostumados a pedir a Sua graça, por isso reclamamos e não o compreendemos inconscientemente ao enfrentar coisas infelizes. Esta encarnação de Deus usa principalmente as palavras para fazer a obra da salvação. Através da orientação e do esclarecimento das palavras, passamos a conhecer a vontade de Deus e as Suas exigências. Ao mesmo tempo, podemos perceber as nossas intenções incorretas e a busca errada em acreditar em Deus e, então, sermos tirados da percepção errada em pedir a Ele o alimento para nos saciar e a paz e as bênção em acreditar Nele. Por fim, o que Ele fizer, somos mesmo capazes de obedecer em nossos corações, pedindo absolutamente nada a Ele.” Pensando nestas coisas, tive um conhecimento mais claro da obra de Deus e estava ciente das minhas percepções errôneas sobre a crença Nele também. Desta vez, Deus veio para fazer a obra das palavras ao invés de curar os doentes e expulsar os demônios. No entanto, em todos os meus anos de fé, sempre busquei a graça, as bênçãos e a paz da minha família. Satanás utilizou minhas visões erradas sobre a busca para me perturbar e atacar. Quando meu filho estava com problemas, ele queria que eu não compreendesse e queixasse-me de Deus, querendo até que eu duvidasse e me afastasse Dele. Satanás é realmente muito mal! Eu estava disposta a transformar minhas visões erradas sobre a crença em Deus e a obedecer-Lo.

Com a força dada pelas palavras de Deus, tive confiança e depois levei meu filho para uma clínica. Após descobrir a doença do meu filho, o médico disse que ele precisava receber uma infusão por pelo menos uma semana. Ao ouvir isso, fiquei preocupada: meu filho fará a prova de admissão do ensino médio em três dias. Com certeza isso afetará a sua prova. Se ele não tiver uma pontuação alta, não entrará em uma escola boa e seu futuro será impactado. Considerando isso, não pude deixar de ficar muito preocupada e me senti muito fraca em meu coração. Não sabia o que deveria fazer. De repente, pensei em uma passagem das palavras de Deus, “Não importa o seu passado, não importa a jornada à sua frente, ninguém pode escapar das orquestrações e dos arranjos do Céu, e ninguém está no controle do próprio destino, pois apenas Aquele que governa todas as coisas é capaz de tal obra”. As palavras de Deus me deram confiança novamente e pensei: está certo! Nossos destinos são controlados por Deus. O destino e o futuro do meu filho também estão sob a soberania de Deus. Toda a minha ansiedade é supérflua. Pensando assim, Satanás é realmente muito básico e sem vergonha. Ele constantemente pratica vários tipos de truques para nos tentar. Há um momento atrás, as palavras de Deus me levaram a ver através do truque de Satanás; agora, pelas palavras do médico, Satanás me deixa preocupada que a doença de meu filho tenha impacto na prova de admissão do ensino médio e,dessa forma, afete o seu futuro. Mas as palavras de Deus permitiram que eu visse através do truque de Satanás mais uma vez. Se o meu filho ficar bem e quando ele ficar bem está nas mãos de Deus, preciso ter fé Nele. Então, orei a Deus em silêncio no meu coração: “Ó Deus, não há nada que eu possa fazer, estou disposta a entregar o meu filho em Tuas mãos. Se esta doença afetar a prova, acredito que desta na Tua dependência. Tudo o que eu quero é obedecer os Teus arranjos.

Quando entreguei o meu filho nas mãos de Deus e estava disposta a obedecer as Suas orquestrações e os Seus arranjos de fato, para a minha surpresa, três dias depois, o meu filho melhorou e não foi afetado na prova. Além disso, ele obteve uma pontuação alta. Eu ofereci meus sinceros agradecimentos e louvores a Deus em meu coração.

Por meio desta experiência, tive um conhecimento claro da guerra espiritual e tive algumas percepções sobre a substância de Satanás nos prejudicando e nos corrompendo. Enquanto isso, percebi que o que eu acreditava antes era um Deus vago. Ao enfrentar as dificuldades, eu não sabia como buscar a vontade de Deus e qual era a Sua vontade, apenas sentia que acreditava em Deus para obter paz e bênçãos. Agora, acreditando no Deus prático, ao encarar estes eventos, posso entender a Sua vontade confiando nas Suas palavras e sabendo como praticar em harmonia com as Suas intenções. Quando minhas visões erradas sobre a crença em Deus foram mudadas e eu me submeti às Suas orquestrações e os Seus arranjos, vi os Seus feitos maravilhosos. Essa experiência me fez provar a onipotência das palavras de Deus. Isso também me deu uma crença mais firme da obra de Deus dos últimos dias. Agora estou disposta a fazer uma resolução firme. Quaisquer que sejam as provações ou tribulações que eu venha a enfrentar no futuro, buscarei a verdade e testemunharei de Deus, tornando-me a pessoa que realmente glorifica e manifesta Deus.

Por Wen Xiulan

Artigo Recomendado:

Batalha Espiritual: Rompendo a obstrução de Satanás e dando testemunho para superá-lo (I)

Batalha Espiritual: Rompendo a obstrução de Satanás e dando testemunho para superá-lo (II)

Contate-nos

Esperas ansiosamente pela aparição do Senhor? Como o Senhor aparecerá? Como devemos acolher a Sua aparição? Convidamos-lhe sinceramente a juntar-se a nós na nossa reunião online para conversar sobre esse tópico connosco.