Siga-nos

Na guerra espiritual, eu vejo claramente a essência do pastor falso

“Mãe, você ainda está se encontrando na internet com pessoas da Relâmpago do Oriente? A pastora nos pediu para ficar de olho em você, e, caso ainda estivesse em contato com eles, nós deveríamos impedi-la!” Enquanto dizia isso, meu filho tirou meu tablet de perto de mim.

Naquele momento, meu marido, que nunca havia bebido com álcool em sua vida, apareceu bêbado, cambaleando, vindo da outra sala, apontou para mim e gritou: “A sogra de nosso filho é uma pastora e você precisa ouvi-la. Se ela disser que você não deve ter nenhum contato com eles, então é isso que fará! Ela disse que, se você continuar acreditando na Relâmpago do Oriente, nossa igreja não vai mais te admitir. Você deve nos ouvir sobre isso. Você não tem permissão para se encontrar com as pessoas da Relâmpago do Oriente outra vez!”

Desde que a pastora – a sogra do meu filho – descobriu que eu havia aceitado a obra de Deus nos últimos dias, ela estava incitando meu marido e filho a tentar me impedir, para me forçar a desistir do verdadeiro caminho. Mas eu já tinha me assegurado de que o Deus Todo-Poderoso era o Senhor Jesus retornado, então como eu poderia desistir da minha crença? E assim, as batalhas da família começaram…

A pastora vem para impedir que eu receba o retorno do Senhor

Eu começarei com o que aconteceu em março deste ano. Um dia, conheci a irmã Liu no Facebook e ela deu testemunho sobre a obra de Deus nos últimos dias. Depois de vários meses buscando e investigando, comecei a entender verdades e mistérios, como o plano de gerenciamento de seis mil anos de Deus, os três estágios da obra Dele, o nome de Deus, a Sua encarnação e o destino final da humanidade. Por isso, tive certeza de que Deus Todo-Poderoso, que sempre havia sido condenado pelos pastores religiosos, é o Senhor Jesus que retornou. Eu senti uma alegria gigantesca – eu acreditei no Senhor por quase 30 anos, e nunca pensei que seria capaz de receber o Seu retorno em minha vida. Deus estava me mostrando Sua bondade! Incapaz de conter a alegria em meu coração, eu queria que mais irmãos e irmãs de minha igreja seguissem os passos do Cordeiro, e, então, contei as boas novas do retorno do Senhor à irmã Ruan. Eu nunca imaginei que, além de não aceitar, ela ainda contaria à pastora – a sogra do meu filho – sobre o que eu disse. Eu estava então com muitos problemas…

Um dia, eu estava descansando em casa quando a pastora chegou com um diácono da igreja. De uma maneira muito ameaçadora, ela falou: “Ouvi dizer que agora você é um crente da Relâmpago do Oriente e está se encontrando com eles?” Respondi: “Exato”. Ela continuou: “Você é diaconisa da igreja há tanto tempo, por que não disse nada? Se quer estudar a Bíblia ou ouvir sermões, eu posso pregar para você. Se há alguma coisa na Bíblia que você não entende, pergunte a mim. Não entre em contato com eles outra vez!” Ela, então, disparou uma pergunta após a outra e me deixou um pouco nervosa. Que visita péssima! Clamei a Deus em silêncio no meu coração: “Ó Deus! Por favor, acalme meu coração, me conceda sabedoria e força, me dê as palavras certas para dizer e permita-me dar testemunho de Ti!” Depois que eu orei, meu coração ficou um pouco mais calmo, e eu disse a eles: “Vamos conversas sobre alguns assuntos. Que tipo de pessoa é capaz de entrar no reino dos céus? Como Deus separará os bodes das ovelhas e os servos bons dos servos iníquos nos últimos dias? Por que o homem que não é santo não pode ver a face de Deus? Como o homem deve cumprir a vontade do Pai celestial?” Eu fiz várias perguntas rapidamente, o que deixou a pastora sem palavras. Ela apenas ficou parada, parecendo sem graça. Então, comunguei com eles sobre meu conhecimento e compreensão dessas questões, e falei: “O Senhor Jesus disse: ‘Ainda tenho muito que vos dizer; mas vós não o podeis suportar agora. Quando vier, porém, aquele, o Espírito da verdade, ele vos guiará a toda a verdade; porque não falará por si mesmo, mas dirá o que tiver ouvido, e vos anunciará as coisas vindouras’ (João 16:12–13). Esses dois versículos profetizaram a obra de Deus nos últimos dias. Hoje, os últimos dias já chegaram. Deus encarnou mais uma vez, expressou milhões de palavras e revelou todos os mistérios do gerenciamento de Deus sobre a humanidade. Aqueles que realmente creem em Deus em várias religiões e denominações reconhecem, depois de ler as palavras Dele, que elas são a verdade e a voz de Deus, e assim se voltam para Ele, um após o outro. Eu aceitei a obra de Deus Todo-Poderoso nos últimos dias não porque eu fui persuadida com facilidade, mas sim porque, através das palavras Dele, eu acreditei de todo o coração que Deus Todo-Poderoso é o Senhor Jesus que retornou, e que estou seguindo os passos do Cordeiro. Se realmente assumisse a responsabilidade sobre a vida espiritual de Suas ovelhas, você deveria ter levado os irmãos e irmãs a lerem as palavras de Deus e aceitarem a Sua obra nos últimos dias.” Quando terminei, a pastora não tinha nada a dizer, mas pareceu muito aborrecida, e, em pouco tempo, ela saiu, furiosa. Ao sair, ela me avisou, dizendo que, se eu pregasse o evangelho de Deus Todo-Poderoso para os irmãos e irmãs outra vez, ela me impediria de servir naquela igreja.

Deus ou meu filho – quem eu escolheria

Alguns dias depois, a pastora contou ao meu marido e ao meu filho sobre o fato de eu ter aceitado a obra de Deus nos últimos dias. Ela também fez diversas alegações sem fundamento e disse a eles muitas blasfêmias contra Deus. Por isso, uma tempestade atingiu minha família.

Um dia, eu estava em minha casa participando de uma reunião on-line, com pessoas da Relâmpago do Oriente, quando meu filho empurrou a porta de repente e entrou. Ele gritou comigo: “Mãe! Ouvi dizer que você aceitou a Relâmpago do Oriente? Eu sou um diácono na igreja, então me diga como eu devo encarar os irmãos e irmãs lde á!” Meu marido, que normalmente ficava quieto, também falou do lado de fora, dizendo: “Nosso filho está certo! Não pense apenas em você. Pense no seu filho! Toda a nossa igreja condena a Igreja de Deus Todo-Poderoso. Como nosso filho vai encarar os irmãos e irmãs de nossa igreja, se você está crendo em Deus Todo-Poderoso? Você trará vergonha para ele!” As coisas que eles disseram me fizeram sentir que deveria escolher entre Deus e meu filho. Se pensasse no prestígio do meu filho, isso significava que eu queria desistir da minha crença em Deus Todo-Poderoso. Pensando nisso, senti muita angústia, como se meu coração tivesse sido perfurado. Eu acreditei no Senhor por várias décadas, e foi muito difícil desejar ver o Senhor voltar em meu tempo de vida. Se eu desistisse da minha crença agora, perderia minha chance de alcançar a salvação. Houve uma batalha no meu coração e, num momento de desespero, orei em silêncio a Deus. De repente, surgiu em minha mente uma comunhão que meus irmãos e irmãs haviam me dado antes: Satanás nunca deixará tranquila a pessoa que se coloca diante de Deus, mas sempre usará todo tipo de truque e engano para impedir as pessoas de se voltarem para Deus. Algumas vezes, ele causará doença ou fará com que coisas ruins aconteçam aos membros da família de alguém, e, outras vezes, tentará impedir as pessoas de convencerem os membros da família, fazendo com que os pastores as ataquem. Enfim, toda pessoa que se coloca diante de Deus deve enfrentar uma batalha espiritual. Lembrei-me de uma passagem das palavras de Deus que uma irmã tinha comungado comigo: “Em cada passo da obra que Deus faz no interior das pessoas, externamente ela parece ser interações entre pessoas, como se nascesse de arranjos humanos ou de interferência humana. Mas nos bastidores, cada passo da obra e tudo o que acontece, é uma aposta feita por Satanás diante de Deus e requer que as pessoas permaneçam firmes em seu testemunho a Deus. Veja quando Jó foi provado, por exemplo: Nos bastidores, Satanás estava fazendo uma aposta com Deus e o que aconteceu a Jó foram as ações dos homens e a interferência dos homens. Por trás de cada passo que Deus faz em vocês está a aposta de Satanás com Deus – por trás disso tudo há uma batalha.”

Na guerra espiritual, eu vejo claramente a essência do pastor falso

Através das palavras de Deus, eu entendi melhor que, embora parecesse que meu filho e meu marido estavam se opondo à minha crença em Deus, na verdade, Satanás estava fazendo uma aposta com Deus no mundo espiritual, para ver o que eu escolheria. Satanás queria usar meus sentimentos por meu filho para me perturbar, para me fazer desistir de Deus e, assim, perder minha chance de ser salva. Enquanto Deus estava usando as acusações e o assédio de Satanás para me testar, para ver se eu poderia resistir às restrição de certas pessoas e eventos, e segui-Lo com um coração verdadeiro. Senti então que Deus estava me observando, esperando que eu fosse capaz de permanecer firme em meu testemunho Dele. Então, eu disse com firmeza para meu filho e meu marido: “Eu seguirei a Deus Todo-Poderoso não importa o que aconteça. Esta é a minha escolha! Vocês também devem buscar e investigar esse caminho, e não resistir ou abandonar a Deus simplesmente por medo de serem ridicularizados ou caluniados. Filho, você é um diácono na igreja, por isso deveria pensar ainda mais na vida de seus irmãos e irmãs. Você deve levá-los a buscar e investigar esse caminho. Se você simplesmente lesse as palavras de Deus Todo-Poderoso, saberia que o Senhor já retornou!” De forma inesperada, meu filho me interrompeu e disse com ferocidade: “Não vou investigar esse caminho! Em qualquer caso, você não tem mais permissão para assistir a essas reuniões em nossa casa, e não pode mais manter contato com as pessoas da Igreja de Deus Todo-Poderoso!” A postura rígida do meu filho me entristeceu. Eu não discuti mais com eles, apenas orei em meu coração para que eles não dissessem nada que desafiasse a Deus. Depois dessa experiência, eu não queria brigar com eles em casa o dia inteiro todos os dias. Eu só podia aproveitar o tempo no início da manhã antes de eles acordarem para realizar devoções espirituais e participar de reuniões com meus irmãos e irmãs da Igreja de Deus Todo-Poderoso. Bons tempos nunca duram muito tempo, e em pouco tempo outra tempestade irrompeu em nossa família…

Recomendado para você: Testemunhos de Pregar o Evangelho: Não importa quão difícil seja ,nunca desistirei de pregar o evangelho

A tempestade em minha família desaba sobre mim outra vez

Na época do Festival de Qingming (Festival chinês de reverência aos mortos), meu filho teve tempo livre e tinha acabado de voltar para casa quando me perguntou se eu ainda estava me encontrando com irmãos e irmãs da Igreja de Deus Todo-Poderoso. Ele tomou meu tablet, dizendo que a pastora lhe pedira para ficar de olho em mim. Meu marido, que nunca havia bebido com álcool em sua vida, apareceu bêbado, cambaleando, vindo da outra sala e, apontando para mim, me repreendeu em voz alta, dizendo que eu não tinha mais permissão para crer em Deus Todo-Poderoso. Ouvindo os dois falarem comigo daquele jeito, fiquei chateada e com raiva. Ambos estavam tão confusos; confrontados com o grande evento do retorno do Senhor, eles não estavam buscando a verdade, mas obedeciam com cegueira ao que a pastora lhes dizia, julgando e desafiando a Deus, e agindo como porta-voz de Satanás. A pastora era a mesma coisa. Ela não buscou nem investigou o caminho, mas, em vez disso, tentou me perturbar e me obstruir várias vezes. Ela, inclusive, instigou meu marido e meu filho a se oporem ao meu seguimento a Deus Todo-Poderoso. O que ela estava fazendo, afinal? Ao mesmo tempo, também entendi que eu tinha medo de ter uma relação tempestuosa com minha família e, por isso, tentei protegê-la intencionalmente. Toda vez que eu realizava devoções espirituais com irmãos e irmãs ou me encontrava com eles, eu acordava muito cedo para não deixar que meu filho e meu marido vissem. Satanás conhecia a fraqueza do meu coração, e, assim, mais uma vez tentou me perturbar e me acusar. No entanto, tive que encarar o problema e confiar em Deus para permanecer firme em meu testemunho.

Quando pensei nisso, a força voltou ao meu coração, e eu disse a eles: “Embora os pastores possam ter estudado teologia, isso não significa que eles são capazes de ouvir a voz de Deus. Os fariseus no tempo de Jesus acreditavam em Deus por gerações, conheciam a Bíblia de cor e, com frequência, explicavam a Bíblia aos outros. Mas quando o Senhor veio para realizar Sua obra, além de não O aceitarem, eles ainda levaram os crentes desafiarem o Senhor e, finalmente, fizeram com que aqueles crentes perdessem a salvação de Deus e sofressem a punição e a maldição Dele. Embora os pastores e presbíteros modernos conheçam bem a Bíblia, se seus corações não forem tementes a Deus, nem humildes, nem estejam buscando, eles também desafiarão a Deus. Quando se trata da forma como encaramos o retorno do Senhor, devemos tomar uma posição baseada em nosso próprio julgamento e não devemos seguir com cegueira o que os pastores dizem. Caso contrário, se um cego liderar outro cego, todos cairão em um buraco! Através da leitura das palavras de Deus Todo-Poderoso, tenho certeza de que Ele é o Senhor que retornou. Não importa o quanto vocês se oponham a mim, minha intenção de seguir Deus Todo-Poderoso não mudará!” Meu marido viu minha determinação e ficou muito zangado. Seu rosto ficou vermelho e seus olhos me encararam, como se ele quisesse me bater. “Como você pode ser tão teimosa?!” Ele gritou: “Se eu disser para não acreditar, você não vai acreditar!” A aparência feroz do meu marido me assustou. Nós nos casamos há tantos anos e eu sempre tive a palavra final em tudo. Eu nunca tinha visto meu marido simples e honesto tão zangado antes. Em meu coração, clamei a Deus em silêncio para expulsar o medo do meu coração.

Depois de orar, pensei nas palavras de Deus: “Você não deve ter medo disto e daquilo. Sejam quais forem as muitas dificuldades e perigos que você enfrentar, você deve permanecer firme diante de Mim; não se deixe obstruir por coisa alguma […] Não tema; com Meu apoio, quem poderia jamais bloquear o caminho?” As palavras de Deus me deram fé de imediato. Sim, Deus mantém todas as coisas e eventos em Suas mãos. Com Deus como meu escudo, o que eu poderia temer? Se meu marido levantar a mão contra mim, eu ainda devo permanecer firme e não me render às forças obscuras de Satanás, mas fazer com que ele seja envergonhado e derrotado! Naquele momento, meu filho correu e entrou na frente do pai, e mais uma vez começou a me exortar, dizendo: “Mãe! Era tão bom quando todos nós acreditávamos em Deus com alegria como uma família! Você não poderia retornar para nossa igreja para crer em Deus pela paz em nossa família?” Eu disse: “Não foram vocês dois que acabaram com a paz em nossa família? Foram vocês dois que criaram problemas em todas as vezes! Se não continuassem tentando me impedir, não teríamos paz em nossa família novamente? Em breve, completarei 60 anos, isso significa que servi à igreja por quase 30 anos, desejando que o Senhor retornasse. Agora Ele retornou e, além de não aceita-Lo, vocês ainda tentam me impedir! Vocês sabem que a obra de Deus é sempre nova e nunca velha? Somente aceitando a nova obra de Deus podemos alcançar a salvação. Se nos apegamos à obra que Deus fez no passado, nossas vidas ficarão estagnadas e, no final, seremos abandonados e eliminados por Deus! Deixe-me ser tão clara quanto posso ser quando lhe digo que não trairei Deus Todo-Poderoso, não importa como vocês dois me tratem!” Pela graça de Deus, quando eu disse essas palavras, meu coração se sentiu muito à vontade, e meu filho ficou muito abatido.

Mais tarde, enviei a meu marido uma mensagem de texto dizendo: “Depois de investigar por algum tempo, tenho certeza que Deus Todo-Poderoso é o Senhor Jesus que retornou. Estou determinada a não trair Deus, não importa como você tente me impedir, e espero que você busque e investigue esse caminho com seriedade. Deus retornou nos últimos dias para expressar Suas palavras e realizar Sua obra de julgamento começando na casa de Deus. Somente aqueles que ouvem a voz de Deus são as virgens prudentes e só eles podem participar da festa no reino dos céus junto com o Senhor.” Depois que eu mandei essa mensagem, fiquei mais calma e meu coração estava à vontade. A partir desse momento, meu marido não tentou mais me obstruir ou restringir, e meu filho devolveu meu tablet. Eu estava, então, livre para encontrar meus irmãos e irmãs e ler as palavras de Deus, e senti uma grande liberdade de espírito.

Passar por essas tempestades familiares me fez ver que todas as coisas estão nas mãos de Deus. Ele usa esses ambientes para testar minha fé, e quando permaneci firme em meu testemunho, a adversidade em meu ambiente diminuiu, e minha fé para dar testemunho da obra de Deus foi fortalecida.

A pastora religiosa se revelou uma falsa pastora

Certa vez, testemunhei a obra de Deus nos últimos dias para uma irmã e ela disse que também queria investigar. Mas a pastora logo ficou sabendo e avisou a irmã para não entrar em contato comigo outra vez. Além disso, ela realizou uma reunião urgente com diáconos e colaboradores para me banir de sua igreja e fazer com que todos me rejeitassem. Depois que soube disso, fiquei muito triste e pensei: “Essa ainda é a sogra do meu filho que eu costumava admirar tanto? Ela ainda é uma boa serva que alegra a Deus? Como pastora da igreja, como o líder do rebanho que estudou teologia e conhece bem a Bíblia, por que ela age assim quando se depara com a manifestação e a obra de Deus?” Eu simplesmente não conseguia entender.

Durante uma reunião, procurei a resposta para esse problema com a irmã Liu. Então, ela me enviou uma passagem das palavras de Deus: “Aqueles que leem a Bíblia em igrejas majestosas a recitam todos os dias, mas ninguém compreende o propósito da obra de Deus. Nem um é capaz de conhecer Deus; além disso, nem um está de acordo com o coração de Deus. Todos eles são homens inúteis e vis, cada um se achando na posição de ensinar Deus. Embora ostentem o nome de Deus, eles intencionalmente se opõem a Ele. Embora se rotulem como crentes em Deus, eles são aqueles que comem a carne e bebem o sangue do homem. Todos esses homens são diabos que devoram a alma do homem, demônios chefes que atrapalham propositalmente aqueles que tentam entrar na senda certa e pedras de tropeço que obstruem a senda daqueles que buscam a Deus. Apesar de serem ‘carne robusta’, como seus seguidores podem saber que são anticristos que conduzem o homem em oposição a Deus? Como podem saber que são diabos vivos que procuram especialmente almas para devorar?”

A irmã Liu comungou: “As palavras de Deus expuseram diretamente a essência dos pastores e presbíteros que servem a Deus, mas O desafiam. Eles, com frequência, expõem a Bíblia, e, até mesmo, a conhecem de cor e podem citá-la de trás para frente, mas como não experimentam e praticam as palavras do Senhor, eles só entendem letras, doutrinas e teorias teológicas, não têm conhecimento de Deus, e seus caracteres tornam-se cada vez mais arrogantes. Assim como os sacerdotes, escribas e fariseus que serviam a Deus Jeová na era da lei, diante da obra de Jesus, eles não tiveram coração que buscasse a verdade. Na palavra do Senhor Jesus, eles sentiram autoridade e poder, mas recusaram-se a admitir porque achavam que serviam a Deus e entendiam as escrituras. Para proteger seus próprios status e lucros, eles levaram o povo judeu a condenar e resistir ao Senhor Jesus, e, no final conspiraram, com o governo romano para crucificá-Lo. Hoje, os pastores e presbíteros religiosos fazem a mesma coisa. Eles expõem a Bíblia com frequência e usam palavras e doutrinas para se exibir, mas não cumprem as palavras do Senhor Jesus. Quando a obra de Deus chega a eles nos últimos dias, sua natureza que odeia a verdade fica exposta. Para proteger suas posições e meios de subsistência, eles isolam a igreja e impedem as pessoas de investigar o verdadeiro caminho e retornar a Deus. Diante disso, podemos ver que todos eles odeiam a verdade e são anticristos que veem Deus como o inimigo. Quando a obra de Deus terminar, eles estarão destinados a receber o justo castigo e a retribuição de Deus.”

As palavras de Deus e a comunhão da irmã acabaram com as minhas dúvidas. Pensei em como os pastores sempre diziam que temiam que nos extraviemos por causa de nossas pequenas estaturas. Mas eles usavam isso como uma desculpa para nos fazer ficar presos na igreja e ouvir seus sermões. Eles temiam que pudéssemos ouvir a voz de Deus e aceitar a Sua obra dos últimos dias. Assim, ninguém os ouviria pregar, e eles perderiam suas posições e seus meios de subsistência! Eu costumava respeitar muito os pastores, acreditando que eles trabalhavam e se esforçavam muito pelo Senhor. Como se viu, eles só trabalham por seus próprios objetivos, planejando para si mesmos sob o pretexto de se esforçar pelo Senhor. Eles eram muito desprezíveis e odiosos. Mas desta vez fui capaz de discernir sua essência.

Meu coração libertou-se quando eu abandonei a religião

Meu coração libertou-se quando eu abandonei a religião

Mais tarde, a sogra do meu filho enviou-me uma mensagem de texto, avisando-me para não ir à igreja novamente e pregar o evangelho de Deus Todo-Poderoso aos irmãos e irmãs de lá. Eu mandei uma mensagem de volta, respondendo: “Você está destruindo as chances dos irmãos e irmãs de alcançarem a salvação de Deus, pois você não investiga este caminho e não permite que eles o façam. Você está fazendo o mal e desafiando a Deus. Assim como o Senhor Jesus disse aos fariseus: ‘Mas ai de vós, escribas e fariseus, hipócritas! porque fechais aos homens o reino dos céus; pois nem vós entrais, nem aos que entrariam permitis entrar’ (Mateus 23:13). O evangelho do reino de Deus está se espalhando por todo o universo, e a Igreja de Deus Todo-Poderoso está se estabelecendo em um país após o outro. Nenhum poder maligno pode impedi-la, não importa como ele tente, pois as coisas que vêm de Deus devem ser prósperas! Impedir as pessoas de seguirem a Deus é se opor a Ele. Você sabe melhor do que eu qual foi o fim dos fariseus, por isso espero que você não desafie mais a Deus!” Depois que enviei esta mensagem, tomei a iniciativa e me retirei da minha antiga igreja.

Agradeço a Deus pois, através dessa perseguição incessante, eu pude ver com clareza a feição horrorosa de Satanás e, ao mesmo tempo, ganhar algum discernimento sobre a essência da pastora. Eu já me livrei por completo das amarras da religião e me coloquei diante de Deus. Não importa o quanto pastores e presbíteros consigam fechar a igreja, continuarei a pregar o evangelho, darei testemunho de Deus Todo-Poderoso e levarei até diante de Deus todos aqueles irmãos e irmãs que foram enganados e iludidos pelos pastores e presbíteros, para confortar o coração de Deus.

Por Linglin, Taiwan


Descubra aqui mais:

– Qual é o motivo para a resistência louca dos fariseus ao Senhor Jesus

Clique para ler mais

Contate-nos

Diante da proibição de reuniões da igreja durante o COVID-19, o que os cristãos devem fazer? Clique para se juntar a nós em nossas reuniões online.

WhatsApp

Por favor, leia e concorde com a nossa política de privacidade abaixo para começar a conversar com a gente.

Você leu e concordou com a nossa política de privacidade?