Siga-nos

Palavras diárias de Deus | "A aparição de Deus inaugurou uma nova era" | Trecho 71

Palavras diárias de Deus | "A aparição de Deus inaugurou uma nova era" | Trecho 71

O plano de gestão de Deus de seis mil anos se aproxima do fim e a porta do reino se abriu para todos que buscam a aparição de Deus. Caros irmãos e irmãs, o que vocês estão esperando? O que vocês procuram? Aguardam a aparição de Deus? Procuram as pegadas de Deus? Como é desejada a aparição de Deus! E como é difícil encontrar as pegadas de Deus! Nos tempos atuais, em um mundo como este, o que devemos fazer para testemunhar o dia da aparição de Deus? O que devemos fazer para seguir as pegadas de Deus? Tais perguntas estão diante de todos que aguardam a aparição de Deus. Todos vocês já refletiram sobre essas perguntas mais de uma vez, mas qual foi o resultado? Onde Deus aparece? Onde estão as pegadas de Deus? Vocês já obtiveram as respostas? Muitos responderiam da seguinte maneira: Deus aparece entre aqueles que O seguem e Suas pegadas estão entre nós; é simples assim! Qualquer um pode oferecer uma resposta pronta, mas vocês realmente compreendem o que é a aparição de Deus e o que são as Suas pegadas? A aparição de Deus diz respeito à Sua chegada pessoal a terra para realizar Sua obra. Com Sua própria identidade e Seu caráter, e por Seu método inerente, Ele desce entre os homens para conduzir a obra de iniciar uma era e terminar uma outra era. Esse tipo de aparição não é uma forma de cerimônia. Não é um sinal, uma imagem, um milagre nem uma visão grandiosa, muito menos algum tipo de processo religioso. É um fato real e genuíno que pode ser tocado e contemplado. Esse tipo de aparição não é para seguir um processo ou realizar uma tarefa de curto prazo; antes, é uma etapa da obra em Seu plano de gerenciamento. A aparição de Deus é sempre significativa e está sempre relacionada ao Seu plano de gerenciamento. Essa aparição é completamente diferente da aparição de orientação, liderança e esclarecimento de Deus para com o homem. Deus realiza uma etapa de grande obra a cada vez que Se revela. Essa obra é diferente daquela realizada em qualquer outra era. É inimaginável para o homem e jamais foi experimentada pelo homem. É uma obra que inicia uma nova era e conclui a era antiga, é uma forma nova e aprimorada da obra de salvação da humanidade; além disso, é uma obra para trazer a humanidade à nova era. É essa a importância da aparição de Deus.

Ao mesmo tempo em que vocês buscam compreender a aparição de Deus, como devem procurar as pegadas de Deus? Essa pergunta não é difícil de responder: onde há a aparição de Deus, vocês encontrarão Suas pegadas. Tal resposta parece bastante óbvia, mas não é algo tão fácil de fazer, pois muitas pessoas não sabem onde Deus Se revela, muito menos onde Ele está disposto a Se revelar ou deveria Se revelar. Alguns creem impulsivamente que onde há a obra do Espírito Santo há a aparição de Deus. Ou então acreditam que onde há pessoas espirituais há a aparição de Deus. Ou então acreditam que onde as pessoas são bem conhecidas há a aparição de Deus. Por ora não vamos discutir se essas crenças estão certas ou erradas. Para explicar essa questão, primeiramente temos de ter um objetivo claro: estamos buscando as pegadas de Deus. Não estamos buscando pessoas espirituais, muito menos seguindo pessoas famosas; estamos seguindo as pegadas de Deus. Nesse sentido, uma vez que estamos buscando as pegadas de Deus, devemos buscar a vontade de Deus, as palavras de Deus, as declarações de Deus, pois onde há as novas palavras de Deus há a voz de Deus, e onde há os passos de Deus há as ações de Deus. Onde há a expressão de Deus há a aparição de Deus, e onde há a aparição de Deus há o caminho, a verdade e a vida. Na busca pelas pegadas de Deus vocês ignoraram as palavras de que “Deus é o caminho, a verdade e a vida”. Assim, quando recebem a verdade, muitas pessoas não acreditam que tenham encontrado as pegadas de Deus e muito menos reconhecem a aparição de Deus. Que erro gravíssimo! A aparição de Deus não pode ser acomodada às concepções do homem, e muito menos Deus irá aparecer a pedido do homem. Deus faz Suas próprias escolhas e tem Seus próprios planos quando realiza Sua obra; além disso, Ele tem Seus próprios objetivos e Seus próprios métodos. Não é necessário que Ele discuta a obra que realiza com o homem ou que busque o conselho do homem, muito menos que informe a cada pessoa individualmente sobre Suas obras. Esse é o caráter de Deus e, além disso, deve ser reconhecido por todos. Se vocês desejam testemunhar a aparição de Deus, se desejam seguir as pegadas de Deus, então devem antes transcender suas próprias concepções. Vocês não devem exigir que Deus faça isso ou aquilo e menos ainda você deve confiná-Lo aos limites das suas próprias concepções. Em vez disso, vocês precisam se perguntar como devem buscar as pegadas de Deus, como devem aceitar a aparição de Deus e como devem se submeter à nova obra de Deus; isso é o que deve ser feito pelo homem. Como o homem não é a verdade e não possui a verdade, ele deve buscar, aceitar e obedecer.

Seja norte-americano, britânico ou de qualquer outra nacionalidade, você deve ultrapassar os próprios limites, deve se superar e enxergar a obra de Deus como uma criatura de Deus. Dessa forma você não restringirá as pegadas de Deus, porque hoje muitos imaginam ser impossível que Deus apareça em determinado país ou nação. Quão profundo é o significado da obra de Deus e como é importante a aparição de Deus! Como elas podem ser medidas pela concepção e pelo pensamento do homem? Portanto, digo que você deve romper com suas concepções de nacionalidade ou etnia ao buscar a aparição de Deus. Dessa forma você não ficará limitado às próprias concepções; dessa forma você estará qualificado para acolher a aparição de Deus. Do contrário, você estará sempre na escuridão e nunca conseguirá a aprovação de Deus.

Extraído de “A Palavra manifesta em carne”

O significado da aparição de Deus

I

A aparição de Deus se refere à Sua vinda em pessoa à terra para Sua obra fazer. Com Sua própria identidade e Seu caráter, e de um modo todo Seu, Ele desce entre os homens para uma era ter início e outra fim. Tal aparição não é um sinal ou imagem. Não é um tipo de cerimônia. Não, não é um milagre nem uma grande visão. Também não é um ato religioso qualquer. É um fato tão real que se pode ver e tocar, um fato que se pode ver e tocar. Tal aparição não é para um processo cumprir, nem para a um resultado imediato chegar; é só para cumprir uma etapa da obra do plano de gestão de Deus.

II

A aparição de Deus é cheia de sentido e sempre relacionada ao Seu plano de gestão, relacionada ao Seu plano de gestão. Essa aparição é totalmente diferente da aparição de Deus ao homem guiar, guiando ou iluminando o homem, guiando ou iluminando o homem. Deus faz um estágio de grande obra sempre que Se revela. Essa obra é diferente da de qualquer outra era, inimaginável ao homem, nunca vivida por ele, nunca vivida por ele. É uma obra que inicia uma era e finda outra, uma nova e melhor obra para salvação da humanidade e uma obra pra trazer a humanidade a essa nova era. É o sentido da aparição de Deus. É o sentido da aparição de Deus.

de “Seguir o Cordeiro e cantar cânticos novos”

Clique para ler mais

Contate-nos

Diante da proibição de reuniões da igreja durante o COVID-19, o que os cristãos devem fazer? Clique para se juntar a nós em nossas reuniões online.

Venha conversar com a gente! Converse conosco no WhatsApp
WhatsApp

Por favor, leia e concorde com a nossa política de privacidade abaixo para começar a conversar com a gente.

Você leu e concordou com a nossa política de privacidade?