Menu

Não Julgueis Para Não Serdes Julgados - Evangelho do dia

Meditação do evangelho

As palavras do Senhor Jesus nos dizem que Deus odeia o julgamento humano. Entretanto, quando nos associamos com outras pessoas, julgamos todos apesar de nossas próprias falhas. Quando agimos dessa maneira, não estamos buscando a vontade de Deus, nem conhecemos a atitude Dele diante de cada pessoa. Nós estamos apenas seguindo nossas ideias e imaginações para julgar os outros, tornando-nos detestáveis para Deus. A Bíblia registra a história de Jó e de seus três amigos, que nos traz muitas mensagens para refletir.

Jó temia Deus. Embora ele não entendesse a vontade de Deus em tempos de provação, ele não pecou com seus lábios, mas refletiu e buscou a vontade de Deus em atitude de reverência perante a presença de Deus. Assim, quando ele foi atacado por Satanás, ele conseguiu manter sua integridade – temendo a Deus e afastando-se do mal – e demonstrou um testemunho lindo e poderoso que envergonhou e derrotou Satanás, recebendo assim um elogio de Deus.

Os três amigos de Jó conheciam as doutrinas espirituais. Entretanto, durante o momento de provação de Jó, eles não tiveram reverência perante Deus e julgaram e atacaram Jó dizendo que ele havia ofendido Deus e por isso Deus estava o disciplinando. Eles olhavam tudo superficialmente e não buscaram a vontade de Deus, mas fizeram julgamentos arbitrários e conclusões sobre Deus estar testando Jó. Por isso, Deus ficou irritado com eles e pediu que fossem a Jó e oferecessem a si mesmos como ofertas para serem queimadas; e Deus os perdoou depois que Jó orou por eles.

A história de Jó e de seus três amigos nos mostra que, se quisermos evitar fazer julgamentos arbitrários sobre as pessoas, os assuntos e as coisas que encontrarmos, devemos buscar o caminho do temor a Deus e do afastamento do mal, assim como Jó fez. Devemos orar e buscar a vontade de Deus em todas as coisas, e aceitar Suas orientações. Não devemos pecar com nossos lábios, não devemos dizer coisas que não contribuam para a vida das pessoas. Tudo que dissermos e fizermos deve ser justo e honroso. Devemos ter um coração temente a Deus em nosso trato com as outras pessoas. Quando colocarmos isso em prática, vamos guardar nosso coração e viver perante Deus em todos os momentos.

Tradução: Nicolas Sales

Veja também:

O que é que discernimento sobre as pessoas? E o que é que julgar as pessoas?

mateus 7:1 Não julgueis, para que não sejais julgados

Convidamos você a usar nossa Versiculo do dia para hoje para enriquecer sua Devocional Diário.

Contate-nos

Esperas ansiosamente pela aparição do Senhor? Como o Senhor aparecerá? Como devemos acolher a Sua aparição? Convidamos-lhe sinceramente a juntar-se a nós na nossa reunião online para conversar sobre esse tópico connosco.