Menu

Mateus 6:5 estudo - Meditando o evangelho de hoje

“E, quando orardes, não sejais como os hipócritas; pois gostam de orar em pé nas sinagogas, e às esquinas das ruas, para serem vistos pelos homens. Em verdade vos digo que já receberam a sua recompensa” (Mateus 6:5).

Meditando o evangelho de hoje

Este versículo é o aviso do Senhor Jesus para nós. Os fariseus pareciam piedosos por fora e deliberadamente oravam diante dos outros para se exibirem e para serem louvados pelos outros. Deus se deleita com pessoas honestas e odeia hipócritas. Portanto, não devemos orar a Deus como os fariseus. Eles fingiram ser muito reverentes na frente dos outros. Eles oraram propositalmente na sinagoga e nas esquinas para se envolver em longas orações; quando jejuavam, propositadamente tinham uma expressão triste no rosto; eles escreveram escrituras nas borlas de suas vestes; quando doavam para a caridade, garantiam que outras pessoas os vissem fazendo isso. No entanto, eles devoraram secretamente as casas das viúvas e mataram profetas. Eles agiram assim para se tornarem um ídolo e fazer com que outros os adorassem, em vez de exaltar ou testemunhar a Deus. Esse é o comportamento hipócrita, que não é louvado por Deus, mas condenado por Ele.

Comparando com as formas de oração dos fariseus, percebi que também tinha esses comportamentos hipócritas enquanto orava. Às vezes, quando eu ouvia a oração eloquente de alguém, eu a imitava em vez de falar com Deus com o meu coração. Isso não era para adorar a Deus, mas para me mostrar e ser louvado pelos outros. Às vezes eu orava para Deus: “Ao orar, seu coração deve estar sereno perante Deus e ser sincero. Você está comungando e orando verdadeiramente com Deus; não deve tentar enganá-Lo com palavras que soam bem. A oração deveria ser centrada em torno daquilo que Deus deseja realizar agora. Peça a Deus que lhe conceda mais esclarecimento e iluminação; coloque seu estado atual e seus problemas em Sua presença ao orar, incluindo a resolução que fez perante Ele. Orar não é seguir um procedimento, mas buscar a Deus com um coração sincero. Peça a Deus que proteja seu coração, a fim de que esteja constantemente sereno perante Ele; para que, no ambiente em que Ele o colocou, você se conheça, despreze a si mesmo e se abandone, permitindo, assim, que tenha um relacionamento normal com Deus e verdadeiramente se torne alguém que ama a Deus.” A palavra de Deus me mostrou o caminho certo de orar. Não devemos falar palavras vazias com ele, nem nos vangloriar ou cumprir as formalidades. Devemos orar a Deus devota e racionalmente com um coração honesto, pronunciar palavras práticas de nossos corações e dizer a Deus nossas reais dificuldades em buscar Seu esclarecimento e iluminação para que possamos entender a Sua vontade. Somente assim teremos uma forma de agir nos ambientes que Deus arranja para nós e manter um relacionamento normal com Ele. Obviamente, apenas orando a Deus com um coração honesto pode estar de acordo com a vontade de Deus.

Veja também:

Mateus 6:7 estudo – Meditando o evangelho de hoje

Estudo bíblico sobre vigiar e orar – Mateus 26:41

Isaías 41:10 estudo: Deus é a nossa ajuda e confiança na necessidade

Contate-nos

Esperas ansiosamente pela aparição do Senhor? Como o Senhor aparecerá? Como devemos acolher a Sua aparição? Convidamos-lhe sinceramente a juntar-se a nós na nossa reunião online para conversar sobre esse tópico connosco.