Menu

“Grande Glória” se refere a que na verdade?

Depois de uma reunião de estudo bíblico, o pastor Huang sai com pressa, agarrando a Bíblia debaixo do braço. Vários outros obreiros e eu começamos a falar sobre a reunião de hoje. A irmã Li olhou pensativa e disse: “Irmãos e irmãs, todos esses anos nós temos esperado para saudar a volta do Senhor. De acordo com o que os pastores dizem, vigiamos e oramos, olhamos para o céu e aguardamos que o Senhor volte entre as brancas nuvens com grande glória e nos leve para o reino dos céus. Mas, ano após ano, os desastres ficam cada vez maiores. Quatro luas de sangue já apareceram. Ainda assim, por que não vimos o Senhor descer entre as nuvens com grande glória? Nestes dias, tenho pensado: Será que a forma como esperamos o Senhor está certa? Se estiver errada e perdermos a volta do Senhor, então nossa fé nEle não é em vão? Participei da cerimônia de casamento de minha sobrinha ontem e ouvi vários irmãos no Senhor falando em voz baixa. Eles diziam que o Senhor retornou em carne e está em uma etapa de sua nova obra de julgar e purificar o homem através de Suas palavras…”

“Grande Glória” se refere a que na verdade?

A irmã Zhao rapidamente a interrompeu: “Impossível! Mateus 24:30 claramente diz: ‘Então aparecerá no céu o sinal do Filho do homem, e todas as tribos da terra se lamentarão, e verão vir o Filho do homem sobre as nuvens do céu, com poder e grande glória.’ O Senhor definitivamente voltará descendo entre as nuvens em Sua glória e com Seus anjos. Naquele tempo, todos os povos da terra testemunharão a volta do Senhor”.

A irmã Wang concordou com ela: “Isso mesmo. O evangelho de Mateus 25:31 claramente nos diz: ‘Quando, pois vier o Filho do homem na sua glória, e todos os anjos com ele, então se assentará no trono da sua glória.’ Tenho certeza de que o Senhor retornará com Sua autoridade e poder. A cena será muito espetacular: O Senhor Jesus estará sentado em Seu trono de glória com majestade, e todos os povos da terra dobrarão seus joelhos diante Dele, adorando-O, e aceitando-O como o único Deus verdadeiro”.

Nesse momento, o irmão Chen assumiu o fio da conversa e disse com seriedade: “Quanto a esses versículos da segunda vinda do Senhor com grande glória, não creio que devemos simplesmente interpretá-los literalmente. Além disso, precisamos ponderar sobre seus significados implícitos. Pois a Bíblia diz: ‘O qual também nos capacitou para sermos ministros dum novo pacto, não da letra, mas do espírito; porque a letra mata, mas o espírito vivifica’ (2 Coríntios 3:6). Em todos estes anos, tenho pensado sobre esta questão: Se o Senhor realmente vem entre as brancas nuvens com grande glória, é óbvio que todos os povos se ajoelharão e saltarão de alegria. Mas por que o Senhor diz: ‘Então aparecerá no céu o sinal do Filho do homem, e todas as tribos da terra se lamentarão?’ (Mateus 24:30). Creio que ‘grande glória’ aqui deve conter algum mistério insondável…”

Instantaneamente, todos nós irmãos e irmãs concentramos nossos olhares no irmão Chen. Fiquei confuso: o irmão Chen disse que a cena espetacular da descida do Senhor entre as nuvens com grande glória veio de nossa imaginação. Isso me lembrou de um versículo: “Porque Deus, que disse: Das trevas brilhará a luz, é quem brilhou em nossos corações, para iluminação do conhecimento da glória de Deus na face de Cristo” (2 Coríntios 4:6). “A iluminação da glória de Deus” mencionada aqui não se referia à luz gloriosa que poderia ser vista com nossos olhos nus, mas a glória que o Senhor Jesus recebeu por derrotar a Satanás e nos redimir com êxito da punição da Lei. Assim, “a glória” na profecia do Senhor voltando com grande glória parece conter um mistério? Pensando nisso, perguntei por curiosidade: “Irmão Chen, como você interpreta ‘grande glória’ aqui? Comungue isso conosco, por favor.”

O irmão Chen continuou: “Com relação ao real significado de ‘grande glória’ dita por Deus, estudei alguns versículos e vi as palavras do Senhor Jesus no evangelho de João 12:23-24: ‘Respondeu-lhes Jesus: É chegada a hora de ser glorificado o Filho do homem. Em verdade, em verdade vos digo: Se o grão de trigo caindo na terra não morrer, fica ele só; mas se morrer, dá muito fruto.’ E João 17:1: ‘Pai, é chegada a hora; glorifica a teu Filho, para que também o Filho te glorifique.’ A partir desses versículos, podemos ver claramente que a ‘glória’ de Deus na Era da Graça significa que a obra de redenção foi concluída através da crucificação do Senhor Jesus. O Senhor Jesus viveu em forma de carne por trinta e três anos e meio, e suportou a perseguição cruel e grandes humilhações dos homens em silêncio. Finalmente, Ele cumpriu a obra de redimir a humanidade às custas de Sua Santa e inocente carne sendo pregada à cruz, e salvou os homens das leis sem vida. E desse modo, o evangelho do Senhor se espalhou por todo o mundo. Os crentes que seguiram ao Senhor e oraram a Ele puderam ser perdoados de seus pecados e desfrutar da graça e das bênçãos concedidas pelo Senhor. Isso foi parte da glória que Ele obteve de Sua encarnação. Então, o Senhor Jesus disse: ‘Está consumado.’ na cruz, ou seja, Deus completou uma etapa da obra redentora e assim obteve glória. Obviamente, ‘glória’ aqui significa que Deus concluiu Sua obra e ela obteve resultados, em vez da majestade e esplendor externos em nossa imaginação.”

Subitamente entendi isso e disse: “Ouvindo o que você disse, tenho um pouco mais de clareza. ‘Glória’ termina sendo o resultado alcançado pela conclusão da obra de Deus em vez das imagens esplêndidas formadas em nossa mente. A glória em que pensamos é vastamente diferente da glória real de Deus! Parece que, na questão de saudar a segunda vinda do Senhor, não podemos mais adivinhar e definir a obra de Deus pela imaginação; devemos buscar urgentemente o real significado da manifestação de Deus com glória nos últimos dias. Caso contrário, se ainda continuarmos a olhar para as nuvens no céu, as consequências serão inimagináveis: Sequer saberemos que estamos perdendo encontrar o Senhor quando Ele vier.”

A irmã Li disse sinceramente: “Certo! Ofende o caráter de Deus definir Sua obra com base em nossos conceitos e noções. É fácil ser desamparado por Deus. Agora devemos buscar que obra Deus está por fazer quando o Senhor voltar. Apenas dessa forma podemos seguir nos passos do Senhor”.

O irmão Chen disse animadamente: “Graças ao Senhor! Na Era da Graça, Deus acaba de receber uma parte de Sua glória. Nos últimos dias, como Deus receberá uma maior glória, então que obra o Senhor fará quando voltar para que Ele obtenha completamente a glória? Busquei em muitos capítulos da Bíblia e descobri que o Senhor Jesus profetizou há muito tempo: ‘Eu, que sou a luz, vim ao mundo, para que todo aquele que crê em mim não permaneça nas trevas. E, se alguém ouvir as minhas palavras, e não as guardar, eu não o julgo; pois eu vim, não para julgar o mundo, mas para salvar o mundo. Quem me rejeita, e não recebe as minhas palavras, já tem quem o julgue; a palavra que tenho pregado, essa o julgará no último dia’ (João 12:46-48), e 1 Pedro 4:17 diz: ‘Porque já é tempo que comece o julgamento pela casa de Deus.’ A partir desses versículos, podemos ver que, quando o Senhor voltar nos últimos dias, Ele expressará a verdade para julgar o homem. Na Era da Graça, o Senhor apenas nos redimiu. Embora nossos pecados tenham sido perdoados, nossa natureza pecaminosa ainda está profundamente enraizada em nós, então vivemos no estado de cometer pecados durante o dia e confessá-los à noite, e ainda não fomos ganhos por Deus completamente. Dessa forma, o Senhor volta para fazer a obra de julgamento a começar na casa de Deus, para nos salvar completamente do domínio de Satanás, e para nos purificar e transformar naqueles que obedecem completamente a Deus, O adoram e O amam. Apenas fazendo assim podemos ser dignos de entrar no reino de Deus e apenas quando Deus receber toda a glória. Consequentemente, quando o Senhor aparecer em público com a ‘grande glória’, é que a obra de julgamento nos últimos dias terá sido concluída. Naquele momento, Deus já terá purificado e aperfeiçoado um grupo de vencedores. Então, eles serão arrebatados diante do trono da glória de Deus; os outros que resistirem a Deus, condenarem a obra de Deus e quem não aceitar a obra de julgamento de Deus serão destruídos nos grandes desastres. Esta é a razão pela qual o Senhor diz: ‘Então aparecerá no céu o sinal do Filho do homem, e todas as tribos da terra se lamentarão, e verão vir o Filho do homem sobre as nuvens do céu, com poder e grande glória’ (Mateus 24:30). Naquele tempo, se perdemos a oportunidade de experimentar a obra de julgamento de Deus e formos incapazes de ser purificados e aperfeiçoados, temos que batermos em nossos peitos e choraremos incessantemente quando o Senhor aparecer em glória. Assim, onde quer que a obra de julgamento de Deus nos últimos dias for testificada, devemos nos apressar para encontrá-la, buscá-la e investigá-la com humildade. Apenas dessa forma podemos ganhar a oportunidade de sermos purificados e aperfeiçoados pelo Senhor, e estarmos qualificados a ser levados para o glorioso reino. Assim como Apocalipse 2:7 diz: ‘Quem tem ouvidos, ouça o que o Espírito diz às igrejas. Ao que vencer, dar-lhe-ei a comer da árvore da vida, que está no paraíso de Deus.’”

Nesse momento, subitamente vimos a luz, e sentimos que a comunicação do irmão Chen com relação ao significado prático da vinda do Senhor com “grande glória” nos últimos dias era realmente cheia de iluminação e bem fundamentada. Isso nos permitiu ter o objetivo e direção corretos em saudar o retorno do Senhor. Graças a Deus por Sua orientação!

Neste ponto, a irmã Li disse com remorso: “Ai de mim… parece que tínhamos uma crença embaralhada no passado. Aguardamos pela volta do Senhor por nossas imaginações e de acordo com um significado superficial da Bíblia. Se nos mantivermos aguardando ansiosamente, mas nada fizermos, certamente seremos virgens tolas e perderemos a salvação do Senhor. Ontem ouvi vários irmãos dizer que o Senhor voltou e fez a obra de julgamento e purificação do homem através de Suas palavras – parece que isso é verdade. Devemos arranjar um tempo e convidá-los a comungar com os irmãos e irmãs, de forma a investigar se o Senhor voltou ou não e fez uma etapa da nova obra”. Aprovei com a cabeça.

Enquanto a irmã Zhao e a irmã Wang se afastaram com raiva, diversos dentre nós, obreiros, concordamos em buscar e investigar, já que o Senhor Jesus disse: “Bem-aventurados os pobres de espírito, porque deles é o Reino dos céus” (Mateus 5:3).

Por Yufei

Veja também:

– Os sinais da volta de Jesus

– Como será a volta de Jesus?

- Buscando o que o livro selado com sete selos em Apocalipse refere-se

Contate-nos

Esperas ansiosamente pela aparição do Senhor? Como o Senhor aparecerá? Como devemos acolher a Sua aparição? Convidamos-lhe sinceramente a juntar-se a nós na nossa reunião online para conversar sobre esse tópico connosco.